terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Caixas II

Só voltando ás caixas, e porque me fez pensar...

Intriga-me um pouco a variância do numero de caixas que cada um necessita. E o porquê de existirem caixas bem arrumadas, e outras nem por isso. Pela minha parte, e voltando ao tema de Nuno Nodin, na minha caixa da sexualidade cabe tudo. Todos os tipos e variantes, muito bem arrumadas; há, e importante, existe lugar pra todas, com o respeito devido que cada individuo merece. Porque será que em algumas pessoas, a caixa é tão pequena que não cabe lá tudo ? Ou então dividem o mesmo tema por várias caixas, cada uma com a sua conotação... Desculpem, mas não me faz lógica. E estende-se a inúmeros situações do nosso quotidiano; raças por exemplo, será uma situação onde o preconceito tem maior vigência . Para mim existe uma caixa, com pessoas, divididas em diversas raças e etnias... Para alguns, existem várias caixas, cada uma ocupando uma posição; uns mais acima, outros mais abaixo, enfim... Outros ainda, só arrumam dentro dessa caixa o que entendem, existindo raças que nem direito a caixa têm... Intriga-me, confesso... Ao mesmo tempo, motiva-me analisar o porque destas diferenças de fundo na nossa necessidade de arrumação... Pensando bem, o meu consciente ( e inconsciente tb) até tem alguma arrumação. Se calhar o melhor é esquecerem o meu pedido e dispensarem as caixas que andam por ai ao Deus dará a algumas outras pessoas, que bem precisam delas. Vá, aproveitem, e não digam que não sou solidária... Por falar nisso, parece-me que há por ai muito boa gente que precisa dessa caixita...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Deixar um sorriso...

Seguidores