quarta-feira, 23 de novembro de 2011

...

Perante a minha ignorância face à pergunta que me fez, diz-me indignado:


- Mas eu pensava que os adultos sabiam sempre mais do que as crianças...


Daqui a uns anos, pensei dizer-lhe, vais perceber que é exactamente ao contrário. Sabemos de facto muito mais acessórios, esquecendo porém, tanto do essencial. Não disse, claro. A seu tempo, lá chegará. E assim levei roda de ignorante :)


( Só para os curiosos, a pergunta era como se escreve o seu nome em Chinês)

1 comentário:

Deixar um sorriso...

Seguidores