domingo, 4 de setembro de 2011

Factos


E pronto, já está. Se fizermos contas, num instante chegamos a cerca de metade do salário, tudo para mais, no que confere à percentagem de pagamento de impostos dos rendimentos mais elevados. Consistirá isto numa tentativa de acabar de vez com o poder de compra, ainda existente em alguns Portugueses? E de aceleração, no que toca a levar o Pais para um caminho estanque e parado, pior ainda do que o que já está? Não tenho formação base em economia, mas ainda assim, a sensibilidade, comum a todos nós, permite-me perceber o risco em que incorremos, ao tomar este tipo de medidas. Carecemos de sair da crise. Temo que não seja este o caminho.

2 comentários:

  1. O caminho é medonho e tortuoso, mas só existe este. Quem disser que há outros, mente. Ou é inconsciente. Ou... pois.

    ResponderEliminar
  2. Olha eu não quero pensar nisso. Penso antes que me livrei de boa mesmo em cima do acontecimento :):)

    ResponderEliminar

Deixar um sorriso...

Seguidores