quinta-feira, 30 de julho de 2009

Nos olhos dos dois...

Surpreendeu-me sim. Pelo carácter de excepção e pelo carácter de excelência. Sei que existe. Acredito em relações onde o amor impera e o bem estar do outro é importante. Mas vejo tão pouco disso neste nosso mundo. Nas minhas férias, encontrava-se no nosso Hotel um casal digno. Muito digno. 50 anos, talvez um pouco mais. Ela, uma qualquer doença óssea, algo incapacitante. Ele, uma dedicação. Filhos já crescidos, que não os acompanharam. Não é relação recente. É uma daquelas de anos, consolidada. Em que o carinho e a ternura manifesta, nos fazem acreditar de que vale a pena acreditar no amor; nos faz ter a certeza do que procuramos, nos faz encontrar a segurança nos olhos de alguém.
Daqui a uns anos farta-se, dirão vocês. Não sei, é uma possibilidade, decerto. De qualquer forma, pela ternura envolvida, faz-me acreditar que mesmo que se farte, enquanto isso não acontecer, ela foi feliz. E ele também. Está nos olhos dos dois. E isso é difícil de encontrar... O mesmo sentimento nos olhos dos dois.

2 comentários:

  1. Já vi alguns. Por isso é que teimo em acreditar :)

    ResponderEliminar
  2. um marido dakeles é k eu keria lolol
    ainda tamos a tempo mana*

    ResponderEliminar

Deixar um sorriso...

Seguidores