sábado, 15 de outubro de 2011

Desejos

A minha vizinha de baixo faz sopa de feijão com chouriço. Sei disso, porque lhe passo na porta e lhe sinto o cheiro, um cheiro característico, forte e salgado, apetitoso. Por vezes, chega-me até à entrada de casa, seguindo a tendência da subida que os cheiros usam. Gosto muito de sopa de feijão com chouriço. Daqueles chouriços de carne bem temperados, e com feijocas vermelhas a boiar no caldo, grosso e saboroso. Há muito que não como uma sopa de feijão com chouriço. Se a minha vizinha não fosse uma senhora chata, das que me escuta os passos e me tenta controlar as entradas, um dia, pedia-lhe um prato. Mas ela é, e eu não gosto nada disso. Tenho dias em que quase a amaldiçoou, quando me espera na soleira da porta, e me questiona porque não me calcei mais tarde, imediatamente antes de sair de casa, e pus nos pés os saltos precocemente, para lhe atormentar o espírito. Julgo que a velha tem qualquer coisa de bruxa. Descobriu-me o fraco, e retribui-me a maldição em forma de desejo.

1 comentário:

  1. Bom só espero que nunca te ofereça um prato de sopa de feijão com chouriço. Sabe-se lá o que é que lá põe...lol

    ResponderEliminar

Deixar um sorriso...

Seguidores