quinta-feira, 7 de junho de 2012

Velhos

Às vezes as nossas pessoas ficam mal. Não são as outras pessoas, são as nossas. As nossas pessoas não têm idade. Não ficam velhas demais, não deixam de ser nossas, vão existir para sempre em nós, logo nunca desaparecem, fazem-nos sempre falta, nunca terão anos suficientes para considerarmos que entretanto vão embora. Julgo haver quem não perceba. Serão por certo os que nunca perderam gente velhinha, ou ainda os que não conseguiram por motivos diversos amar verdadeiramente essas pessoas. Porque os que amam verdadeiramente os velhos sabem que eles nunca são velhos demais para deixarem o mundo, o nosso mundo. O mundo é uma coisa abrangente e diferente. Cada um tem o seu mundo, e dentro desse mundo as pessoas que o povoam são infinitas, mesmo que o não sejam. Ninguém é fisicamente eterno. Mas nesse mundo que é só nosso os sentimentos são eternos, mesmo que alguém tenha de ir embora. No nosso mundo a revolta surge sempre. Não creio que trate egoísmo, embora por vezes chegue a pensar isso. Julgo que trata antes uma pertença, uma união, uma identidade que se renova e que faz parte da vida, mas que queríamos que fosse feita de outra forma, sem ninguém sofrer e desaparecer. Concebo que a eternidade é um contructo utópico dada a nossa condição. Concebo que apenas é possível internamente, enquanto nos durar a existência física. Depois dela não sei, por isso não falo. Não gosto de falar sobre o que não conheço, mas gosto de o fazer relativamente ao que vivo e sei ser verdade. E eu sei que o amor que é nosso, feito no nosso mundo e construído à nossa medida na nossa vida, em cada ano, passo e dia, é eterno e por isso nunca fica velho.

3 comentários:

  1. ainda há poucas horas enumerei os anos, consecutivos, em que "alguém (se foi) embora" - nunca foram velhos, ficaram sempre iguais às primeiras recordações que tenho deles, nos meus olhos físicos e nos olhos da minha memória...

    ResponderEliminar
  2. :) Muito, muito bem! Sem mais comentários...

    ResponderEliminar

Deixar um sorriso...

Seguidores