sábado, 18 de abril de 2009

Não gosto...


Há coisas que me fazem pensar. Hoje foi uma história contada pelo meu pai, no almoço de família. Estava na fila do supermercado para pagar, e à frente encontrava-se uma velhinha, com compras de comida. Na hora de pagar, faltava-lhe algum dinheiro, e ela chorosa estava na eminência de as ir repor no lugar... O meu pai não deixou, pagando o dinheiro que faltava... Pronto, sei que podem considerar lamechas, mas mexeu comigo. Talvez por trabalhar com eles sou muito sensível a este tipo de problemática. E penso que o nosso país não trata bem os nossos velhinhos. Esquece-se que eles são a origem, que é deles que renascemos, e que enquanto cá estiverem são gente... E merecem dignidade, e ajudas, pois já deram tanto de si... Fico sempre sensibilizada com as dificuldades alheias de quem pressinto mais frágil; seja idoso, seja criança, seja o que for... Patetice, talvez, mas continuo a sonhar por um mundo melhor...

1 comentário:

Deixar um sorriso...

Seguidores