terça-feira, 1 de junho de 2010

Do dia...


Hoje é o Dia da Criança. Um dia instituído, como tantos outros. Não deixo de o celebrar, claro, até porque serei criança para sempre, para além de ter uma criança, como o meu maior amor. Não deixo no entanto de sentir, tudo aquilo que se sente nestes dias, e em tantos outros, por mim falando, óbvio. Ser Criança será decerto a melhor coisa do Mundo. Pela Ingenuidade, pela crença, pela liberdade e pela capacidade de ser, entre muitas outras capacidades dignas de existirem. Ou pode não ser nada disso, e o nada disso, é-o vezes de mais. Deixando de lado utopias ingénuas, desejo, numa crença que ainda me persegue, que caminhemos para uma maior igualdade. Senão para sempre, que seja quando se é, ainda criança.

2 comentários:

  1. Continuar a ser, um pouco criança, sempre.
    :)

    ResponderEliminar
  2. Há que acreditar. Quando deixarmos de o fazer algo está mal.

    Beijinho.

    ResponderEliminar

Deixar um sorriso...

Seguidores