domingo, 4 de abril de 2010

Fundamentos

Há dias em que as conversas fluem, quase sem as pedirmos. Ás vezes, quase lhe queremos fugir, mas elas enrolam-nos, puxam-nos, sugam a nossa existência, porque tinha de ser agora. Já o tenho sentido mais vezes, e hoje reitero, que o seguimento natural da nossa existência, tem um qualquer fundamento.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Deixar um sorriso...

Seguidores