terça-feira, 24 de abril de 2012

Luto

O DN diz que há cada vez mais crianças em luto. Uma perda que os adultos por vezes encastram dentro de um âmbito de repercussões futuras, ao nível do apoio, do sustento, da educação, deixando um pouco de lado a perca em si. Um erro crasso. O luto deles também acarta tristezas, choro, falta e saudade.
Dá-me algum sossego sentir que hoje se reflecte o tema. Se olha de frente, se encara, ao invés de fingirmos todos que não existe. É um avanço, e nestas questões os avanços merecem sempre um louvor maior.

1 comentário:

  1. Estou em crer que não se reflecte o tema, mas sim, constata-se. Apenas.

    ResponderEliminar

Deixar um sorriso...

Seguidores