terça-feira, 27 de outubro de 2009

Coisas. Mais uma...


A ausência de horários, tem destas coisas. Chamadas fora de horas, saídas frequentes depois das seis, fins de semana cortados a meio. E terças feiras em que o ócio ataca, e se instala clandestinamente, mas certeiro, por demais certeiro. E o corpo pede paz. Abandona-se o posto, e ruma-se até à praia. Porque nos apetece, e chega. E sente-se o mar. O cheiro, a brisa, os salpicos nos cabelos. E vê-se um pescador que pesca nada, a não ser o mesmo que eu. E é tanto, mas tanto... Coisas.

2 comentários:

  1. Só agora reparei no Deixar um sorriso...
    Como até acho que é um excelente comentário para este post, aqui fica: (:

    ResponderEliminar
  2. Quando as coisas andam mais apertadas para os meus lados, a terapia que escolho é ir até onde o mar ande furioso. Bastam uns minutos para que o sorriso volte.

    Beijoca.

    ResponderEliminar

Deixar um sorriso...

Seguidores