domingo, 4 de outubro de 2009

Fado...

Hoje fala-se de Amália. Amo o Fado com uma intensidade brutal. Quem me lê, sabe que também amo Lisboa. E hoje, agorinha mesmo, não rumo a uma casa de Fados perdida na Madragoa, porque motivos fortes me impossibilitam. Fica a saudade. Fica um CD a tocar Amália ao vivo, no Olympia em Paris. E já não se fica nada mal.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Deixar um sorriso...

Seguidores