sábado, 31 de outubro de 2009

Dados consideráveis

Fiquei estupefacta, com a quantidade de dados que a minha querida mãezinha, sabe sobre as personalidades da pacata cidade em que resido. E tudo isso, porque se encontrou na esquina, que demorou uma boa meia hora a cruzar ( tudo para mais), com uma digna Senhora, trabalhadora num popular Supermercado. Sabe tanto, mas tanto, desta, daquela, disto e daquilo, de quem terminou e de quem começou, que melhor, só uma revista Caras perdida aqui, neste lugar de nenhures. A Dona F ( que só aqui que ninguém lê, vou dizer que acaba em a, e no meio tem rancelin; sim, sim, porque se ela fala da vida alheia de arredores, Terra e Marte, eu também posso postar por aqui, ainda que discretamente, o nome dela), tinha emprego de Jornalista afiançado de certeza. Qualquer dia é caçada, por algum jornal ou revista que passe aqui ao lado e lhe sinta o cheiro. E a minha mãezinha, tadita, se se descuida, com tanta sabedoria, ainda vai à pendura. Eu por cá já a avisei.

2 comentários:

  1. Fofo!
    Muito fofo e meigo o carinhocom o qual fala da senhora tua mãezinha!

    Muito beijinhos nela então!!

    Lindo domingo para vocês!

    Biazinha

    ResponderEliminar
  2. AHAHAAHAHAHAHAHAHAH
    Marinho*

    ResponderEliminar

Deixar um sorriso...

Seguidores