segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Até ao fim do mundo...


Pois. Louvo, quase que invejo, mas não sei se faria... Interessante o artigo. Histórias de vida, de quem por Amor, deixou tudo, ou quase tudo. Família, amigos, emprego, sítio. Uiii, causa-me arrepios. Palavras como " Percebi que deixava tudo por ela", ou ainda "A minha felicidade passava por estar ao lado dele, independentemente do resto", são comuns nas frase proferidas por quem, a troco de uma presença, relegou muitas outras. É um risco, sem dúvida. E o que é a nossa vida, sem riscos? Nada, bem certo. Tudo na vida é um risco, um acaso; sem experimentar não sabemos. Concordo, sem dúvida. De qualquer forma, a mim, e da forma como certas pessoas o fazem soa-me a um risco grande de mais. Uma coisa, são projectos a dois, em vidas consolidadas, sonhos construídos, sob objectivos e destinos comuns. E aí, pode-se mudar o rumo, o poiso. Agora assim, conhecimentos de um mês, dois, levarem-nos para outro País, onde a incerteza reina? Quando a paixão, ainda acesa, nos tolda o pensamento, e nos confunde as ideias? Não sei, parece-me demais para mim. Talvez porque ache que teria muito a perder. Sim, poderia ter muito a ganhar, é certo. Ou não... Não sei se arriscaria.
De qualquer forma admiro que tem força para o fazer. Pela coragem em enfrentar o incerto, pela capacidade de resiliência, pela adaptação. Pronto, por tudo.
Se calhar esta visão, sou eu mais uma vez armada em esquisita. Se calhar é isso... Admito que possa ser... Se calhar até são estas histórias as felizes para sempre...

3 comentários:

  1. Acho que em qualquer relação há sempre que arriscar, pois de outra forma dificilmente se evolui. Agora o importante é saber no que é que estás a arriscar, se num amor se numa paixão, pois o fim é bem diferente. Beijoca!

    ResponderEliminar
  2. Tenho muitas dúvidas se é aí que reside o "felizes para sempre", muitas dúvidas mesmo. Não acredito em decisões tomadas de cabeça quente e a paixão aquece muito a cabeça. Há que deixá-la esfriar um pouco para saber se o amor se esconde ou não debaixo dela.

    ResponderEliminar

Deixar um sorriso...

Seguidores