domingo, 5 de fevereiro de 2012

...

Quando me deparo com horas de avaliação psicológica para tratar, dou graças a Deus por este meu gosto em esmiuçar o que nos compõe. E em encontrar em cada uma delas os traços finos e os traços sórdidos, as linhas orientadoras, o padrão de acção. Fico sempre mais ou menos com o mesmo sentir que tenho quando pego um bom livro. Preciso do fim com urgência real.

1 comentário:

  1. :):):)Como costuma dizer uma pessoa de quem eu gosto muito: toma lá sorrisos :):):)

    ResponderEliminar

Deixar um sorriso...

Seguidores