quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Tentativas, ou de como quem não arrisca, não petisca...

Olha-me de olhos sorridentes, e solicita-me a tarde de amêndoa ao invés do pão com fiambre, anda enjoado. Compreendo o enjoo, arrisco um pão de leite ou um pão de Deus, mas a tarte, chama-o.
-Ok, cedo, hoje levamos a tarte para o teu lanche, mas só hoje.
-Tá bem mãe, e um Kinder, posso levar??
-Hum, não achas que estás a abusar?
-Acho, mas era só a ver se pegava...

Antevejo, quiçá, um grande político.

2 comentários:

  1. Uma coisa já ele percebeu: é que se atirar o barro à parede pode haver um dia em que ele pegue... Esperto o puto! :):):)

    ResponderEliminar

Deixar um sorriso...

Seguidores